29 de maio de 2009

Reminiscências de um Gago em seu Exílio 22: O inicio da incerteza.

“Os acontecimentos narrados a seguir, ocorrem entre os anos de 2001 e 2002”

Lembra quando eu falei aqui mesmo nesse bloguinho que existem pessoas que nunca saem do nosso pensamento? Pois é, pra mim Priscila foi uma dessas pessoas.

Lá estávamos nós, eu e Junior, dois grandes amigos enfrentando um novo mundo chamado Expansivo colégio e curso. O ano era 2001, e parecia cheio de novas promessas de tranquilidade e alegria. Priscila foi com certeza a garota que me chamou a atenção naquele primeiro dia de aula, e como eu poderia esquecer daquela garota de olhos meio puxados de cabelos negros longos e lisos. Eu realmente estava sentindo algo diferente em mim, e isso já era motivo para tanta felicidade dentro de mim? “Eu estava amando?”.

Mas, às vezes amar é bem mais complicado do que se pensa, principalmente quando se imagina que está pessoa da qual você está gostando vai ignorar - lo totalmente se por acaso souber que sua pessoa gosta dela. E esse foi o meu erro, pois passei a maior parte do tempo escondendo em vez de contar tudo de uma vez só.

Eu lembro-me de uma vez, que ela pegou o mesmo ônibus que eu pegava na volta para casa, e descobri que a avó dela mora mais ou menos perto de onde eu morava (Longe pra caramba) e por acaso ela vendia cachorro quente, nesse mesmo dia logo à noite eu lembro perfeitamente de ter azucrinado a minha mãe para me dar dinheiro e assim comprar o cachorro quente, pois essa era a minha desculpa para poder ver aquela garota.

Quando eu cheguei lá, ela me reconheceu no ato e abriu o mais lindo sorriso do qual eu conhecia tão bem, nesse momento eu vi um certo brilho nos olhos dela (acho que foi a minha imaginação, mas prefiro pensar que foi assim), e isso me fez pensar o quanto o amor nos faz feliz e maluco ao mesmo tempo. Foi então que eu me fiz a seguinte pergunta “será que ela gosta de mim?”, e eu posso dizer com certeza para você que está lendo está reminiscência, que até hoje eu nunca soube a resposta para essa pergunta.

No ano de 2002, não lembro com clareza a data, mas lembro que aconteceu numa sexta-feira. Estávamos largando e eu sentei para amarrar o cadarço do meu tennis e ela chegou junto de mim e disse:

- Vou sair da escola! Minha mãe vai trabalhar como professora em outra escola, e eu vou ser transferida.

Naquele momento eu percebi que tinha que fazer algo, então olhei para ela e disse:

- Priscila, o que eu vou falar parece ter sido tirado de um filme e eu acho que foi mesmo, mas é a única coisa que me vem na cabeça para ilustrar o que estou sentindo nesse momento.

- O que? – Ela disse.

- É incrível como damos valor às coisas que amamos quando estamos prestes a perdê-las. Mas se você tem de ir, fique sabendo que sempre estará em meu coração.

E isso foi o mais perto de uma declaração que eu fiz. No inicio da semana seguinte, ela não veio, fiquei pensando que ela tinha partido da minha vida para sempre, mas na quarta-feira ela me aparece na sala com aquele sorriso lindo, “ela voltou por mim” pensei. Fiquei com isso em minha mente por meses, e no fim do ano letivo eu tomei coragem e perguntei por que ela tinha ficado? Ela me disse que a mãe deixou para ser transferida no final do ano e por isso que ela tinha voltado.

Naquele momento eu percebi que fiquei sonhando em vão com algo que eu imaginei que poderia ser real, mas como eu disse anteriormente, amar é bem mais complicado do que se pensa. Naquele ano eu estava indo morar em Noronha, e no dia da festa de amigo secreto da nossa turma eu perguntei a ela qual escola iria estudar no ano seguinte, e ela me disse:

- Líder, vou estudar no Líder.

Dei um abraço nela e fomos festejar aquela festa de despedida, e logo depois fui seguir a minha vida em Noronha, naquela hora percebi que a minha história com Priscila ainda não tinha terminado, fui para Noronha com a certeza de que cedo ou tarde iríamos nos ver novamente. A questão era, quando e onde?






Continua...

Ser Noronha...

É viver no paraíso e ter amigos e pessoas que gostam de você a todo o momento. Num lugar como este não existe um outro tipo de sentimento.
Porque afinal de contas somos todos amigos conhecidos e pessoas que sempre querem o bem e o amor a qualquer custo.


E isso, é na verdade ser Noronha...

Anderson Ricardo
(Baseado no texto original de Leandro Dumont)

25 de maio de 2009

Poesias: Noronha

Ah! Noronha
Que aflora a minha sensibilidade
Minha vontade
Meus desejos mais intensos
E profundos
Que desperta minha loucura
Que me traz a cura
Que me faz rir e chorar
Que faz calar
Que me traz boas vindas
Contínuas despedidas
A crença e a descrença
O tudo e o nada
Tão perto de mim.






Autor: Elda Paz

22 de maio de 2009

Cedo ou Tarde nunca se sabe o dia de amanhã.

Agora eu posso dizer realmente que vivi a frase “Nunca se sabe o dia de amanhã”, jamais pensei que sair de Noronha por apenas uns meses fossem me deixar tão triste e estressado ao mesmo tempo. Ontem (21/05/2009) parecia um dia tão normal pra mim, acordei, escovei os dentes, fiz o café da manhã e “BANG”. Eu escutei a seguinte frase “Arrume as malas que você vai pra Natal”. Confesso a vocês que nesse exato momento varias coisas passaram em minha cabeça, Cineclube, Crepusculinho, escola, sobrinha e tantas coisas que eu nem sei explicar agora.

Depois de um susto desse só me restou ficar conformado e correr atrás do prejuízo. Agora eu posso concordar com o coringa “Nunca façam planos”, pois você realmente nunca sabe se ele vai sair de acordo com o que foi planejado. Então, eu vou seguir esse caminho novo e tentar voltar felizmente e infelizmente para o antigo, e eu prometo a vocês meus amigos que cedo ou tarde eu chego novamente nessa ilha de lost, pois ela já se tornou a minha constante e eu realmente não vou conseguir viver longe de vocês.

E como eu sei que amigos nunca dizem adeus, eu vou deixar uma palavrinha para cada um de vocês.

Evandro: Dude?
Heylison: Não se preocupe, eu vou trazer filmes ok.
Felipe: Prometo que vou sentir um pouco de saudade da sua chatice.
Elton: Acho que de você eu não vou sentir saudade. ^^’
Rodrigo (Irmão de Heylison): Cri... Cri...
Rodriguinho (Irmão de Camila): Hein?
Sensei: Oss...
Sandro: Seja um Minuteman.
Lucas: Baka.
Antonio: Vou botar as fotos ok.
Ido: Olhe as estrelas por mim.
Bia: Biaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!
Camila: Vou sentir saudade de você, mas não vou sentir do seu chute.
Thânia: Eu não esqueci do balaiocast.
Vivian: Te dollu viu soblinha.
Yasmim: Love Hina.
Kelly: Olhe para a primeira estrela a direita e siga direto até de manhã.

Então até breve pessoal.

20 de maio de 2009

O DIA DA TOALHA Está chegando!!!!!

Todo dia 25 de maio é celebrado mundialmente o Dia da Toalha em homenagem a Douglas Adams, o megaboga autor da saga Guia do Mochileiro das Galáxias. É bem sabido que todo mochileiro interestelar pode esquecer qualquer coisa, menos a sua toalha. O Guia diz:

“A toalha é um dos objetos mais úteis para um mochileiro interestelar. Em parte devido a seu valo prático: você pode usar a toalha como agasalho quando atravessar as frias luas de Beta de Jagla; pode deitar-se sobre ela nas reluzentes praias de areia marmórea de Santragino V, respirando os inebriantes vapores marítimos; você pode dormir debaixo dela sob as estrelas que brilham avermelhadas no mundo desértico de Kakrafoon;

Pode usá-la como vela para descer numa minijangada as águas lentas do rio Moth;

Pode umedecê-la e utilizá-la para lutar em combate corpo a corpo; enrolá-la em torno da cabeça para proteger-se de emanações tóxicas ou para evitar o olhar da Terrível Besta Voraz de Traal (um animal estonteantemente burro, que acha que, se você não pode vê-lo, ele também não pode ver você - estúpido feito uma anta, mas muito, muito voraz);

Você pode agitar a toalha em situações de emergência para pedir socorro;

E naturalmente pode usá-la para enxugar-se com ela se ainda estiver razoavelmente limpa.

Porém o mais importante é o imenso valor psicológico da toalha. Por algum motivo, quando um estrito (isto é, um não-mochileiro) descobre que um mochileiro tem uma toalha, ele automaticamente conclui que ele tem também escova de dentes, esponja, sabonete, lata de biscoitos, garrafinha de aguardente, bússola, mapa, barbante, repelente, capa de chuva, traje espacial, etc., etc.

Além disso, o estrito terá prazer em emprestar ao mochileiro qualquer um desses objetos, ou muitos outros, que o mochileiro por acaso tenha “acidentalmente perdido”. O que o estrito vai pensar é que, se um sujeito é capaz de rodar por toda a Galáxia, acampar, pedir carona, lutar contra terríveis obstáculos, dar a volta por cima e ainda assim saber onde está sua toalha, esse sujeito claramente merece respeito.”


Tradução do blog Clarices.

Então no próximo dia 25 de maio, agora também conhecido como o Dia do Orgulho Nerd, não saia de casa sem sua toalha!

Eo site Jovem Nerd tradicionalmente convida seus leitores a enviarem fotos e vídeos que expressem como passaram este dia extremamente nerd… com suas toalhas!

Na próxima segunda, mande suas fotos e vídeos com o assunto “DIA DA TOALHA” para nerdcast@jovemnerd.com.br!

Então tenha um bom dia da toalha.

14 de maio de 2009

Uma enquete.

Olá pessoal, estou aqui para pedir a ajuda de vocês. Bem como viram o blog ta de Layout novo, mas eu ultimamente venho tendo problemas com esse formato de Layout. Por isso estou lançando uma enquete para saber de vocês como deve ser o visual desse Bloguinho ok.







Conto com vocês. ^^'

Dragonball Evolution: Z-Edition?

Segundo o site TheFanboyReview.net, a Fox aparentemente estará lançando um home-vídeo do filme que receberá o titulo de Dragonball Evolution: Z-Edition. Não se sabe que novidades trará, provavelmente serão cenas extendidas e deletadas de DragonBall Evolution.


Fonte: Blog Dragon Ball O Filme

6 de maio de 2009

Carcaju 2?


Depois de um vazamento precoce na internet e uma crítica dividida, o filme X-Men Origins: Wolverine se saiu muito bem na bilheteria, e agora para quem esperava que Hugh Jackman tirasse uma folga do personagem que o fez famoso, parece que não foi dessa vez. Jackman e John Palermo, da Seed Productions, juntamente com a Fox, já estão correndo atrás de novos rumos para o carcaju nos cinemas.

Tudo indica que o novo longa deverá focar a vida de Logan no Japão, mais ou menos na linha do que já foi mostrado nos quadrinhos. Um roteirista ainda será contratado para escrever tudo isso.

1 de maio de 2009

Crepusculinho: Dança da Chuva

Olá pessoal, tudo bem? Eu sei que estou um pouco distante do blog, mas, é por que eu to atolado de trabalho nessa ilha de lost, prometo que em breve eu volto a postar regularmente. Enquanto isso fiquem com mais uma tirirha do Crepusculinho.


Aluado Blog Tumblr

SocialVibe