1 de outubro de 2008

Peacemaker Kurogane ( Parte 2 ): Mangá e história

Peacemaker é uma história de ficção criada por Nanae Chrono. A série se passa no século XIX no Japão, antes da Restauração Meiji, enquanto as sementes da revolução estavam sendo plantadas. A história se foca em um garoto, Ichimura Tetsunosuke, que se uni a Shinsengumi para tornar-se mais forte a fim de vingar a morte de seus pais.

A primeira série de mangá, Shinsengumi Imon Peacemaker, foi publicado pela Enix. A série seguinte, Peace Maker Kurogane, foi publicado por outra empresa, Mag Garden, que parou temporiariamente com o projeto em 2005.

Mais história: O Shinsegumi, na realidade, se iniciou em 1863. Quando foi decidido que o Xogum Ieyasu Tokugawa viajaria para Kyoto e precisaria de um grupo para protegê-lo, muitos se juntaram a ele: assassinos, ladrões e muitos homens de respeito. Essa tropa de proteção chamou-se Roushitai. Mas, após muitos desentendimentos durante a viagem, traições de membros, entre outros acontecimentos, o grupo inicialmente composto por 240 homens reduziu-se a apenas 13 pessoas que ficaram em Kyoto, pois os outros retornaram. Eram exatamente os grupos que lutavam ao lado de Kamo Serizawa e Isami Kondou. Kamo resolveu trabalhar para o Comissionário Militar de Kyoto, uma organização criada pelo Xogunato para manter a ordem. Assim nascia o mais temido grupo da história do Japão, o Mibu-mura Roushingumi.

Tiveram seu valor reconhecido tempos depois, em uma passagem que só é mostrada nos OVAs de Rurouni Kenshin, a invasão do feudo de Choshuu, e só a partir daí­ o imperador lhes deu o nome de Shinsengumi. Assim, o grupo de 13 homens passou a ser uma tropa de mais de 200 combatentes. Um ano depois destes acontecimentos, houve o famoso incidente da Hospedaria Ikeda ( citado em Rurouni Kenshin e PeaceMaker ) , no qual o Shinsengumi, após uma trajetória de vitória e sangue, é acompanhado por uma multidão de pessoas espantadas ao ver todos os homens retornando triunfantes e cobertos de sangue. Esse incidente colocou a tropa e seus comandantes no "hall" do estrelato absoluto, sendo regiamente recompensados por suas ações e serviços prestados. Mas o Shinsengumi estava fadado a desaparecer com o Xogunato, e foi o que aconteceu a partir de 1868. Apesar da história do Shinsengumi se confundir com a própria história do Japão, muito ainda deve ser dito para que ela seja completamente finalizada.

Hehehe... falei muito sobre história, né?

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sejá bem vindo ao Aluado Blog, dê sua opinião sobre o post...

OBRIGADO PELA VISITA! E VOLTE SEMPRE. ^^'

Aluado Blog Tumblr

SocialVibe